O Mindelense encontra-se à distância de uma vitória (três pontos) para qualificar-se às meias-finais do campeonato de Cabo Verde, em futebol, o que pode ocorrer já este sábado caso vença o Paulense, em jogo da 4ª jornada.


Com efeito, os tetra campeões em título lideram o grupo de qualificação com nove pontos em três jogos, enquanto os restantes adversário do Grupo B (Paulense, Académica do Porto Novo e Académico do Sal), todos com dois pontos, mantém-se a sete pontos do líder Mindelense.
No seio do grupo de trabalho sanvicentino, em vésperas do jogo, o pensamento “como sempre”, como refere o treinador Rui Alberto Leite, é na vitória, até porque, sustenta, “quando mais cedo garantir a qualificação melhor”.
O técnico considera que a semana de treinos “correu bem” com todo o plantel disponível, e que a equipa trabalha com “motivação própria e a responsabilidade” de ostentar o título de campeão de Cabo Verde por quatro anos consecutivos.
“Queremos mais e vamos lutar para o penta”, precisa.
Lembra, no entanto, que o Paulense, equipa que recebe sábado, 03, no estádio Adérito Sena, no Mindelo, é um adversário que merece “bastante respeito” e que vem a São Vicente também a pensar na vitória.
“Mas em casa, suportados pelos nossos adeptos, temos de dar uma resposta positiva e que passa, naturalmente, pela vitória”, sintetizou o treinador Rui Alberto Leite.
O jogo Mindelense – Paulense, da 4ª jornada da fase de grupos, ou seja, a 1ª da segunda volta, disputa-se às 16:00 de sábado, 03, no estádio Adérito Sena, no Mindelo.
O Conselho Nacional de Arbitragem nomeou uma equipa de arbitragem da ilha do Sal para o dirigir o encontro, chefiada pelo árbitro central Félix Rocha e os auxiliares Abidel Pereira e José Alves, sendo 4º árbitro Benedito Santos, da ilha de São Vicente.
Fonte: Inforpress