O seleccionador cabo-verdiano de futebol considerou que apesar da derrota sofrida ante o Senegal por 2-0, gostou do jogo, reconhece que Senegal mostrou ter "uma equipa fortíssima", mas disse continuar focalizado na qualificação para o Mundial da Rússia'18.


Lúcio Antunes admite que o Senegal teve o controlo do jogo e algum "domínio consentido", alegando que a estratégia era baixar a sua linha e tentar sair em transição rápida para os avançados.
Afirma que Senegal esteve sempre bem posicionado e que chegou ao primeiro golo, numa “desatenção” defensiva, depois de Cabo Verde ter desperdiçado a grande oportunidade.
Com as mexidas que operou, com as entradas de Rodrigues e Kuka, explica, tentou chegar ao empate, mas que, ao sofrer o segundo golo, se tornou complicado.
Cumprida a primeira jornada, Lúcio afirma que doravante a aposta passa por começar a preparar o próximo na recepção à Burkina Faso no Estádio Nacional, na Cidade da Praia, em Novembro e tentar ganhar os três jogos em casa.
Para o treinador cabo-verdiano, terá faltado à selecção nacional o primeiro passo com qualidade após a recuperação da bola e chegar dez metros mais à frente, porque Senegal pressionou com transição levando Cabo Verde a perder discernimento em alguns minutos.
Cabo Verde, explica, vai tentar alcançar pontos fora de portas, tanto em África do Sul, como em Burkina Faso, argumentando ser imprescindível nesta competição.
Enquanto isto, o técnico senegalês, Aliou Cisse, mostrou-se satisfeito pelo triunfo alcançado pelos "Lions de Teranga", por sinal a nona consecutiva, e pelo facto de começar a qualificação para Rússia com "uma importante vitória".
Admite que Cabo Verde "apresentou uma equipa muito organizada" e com ambição, mas que começar a ganhar uma fase de grupo é sempre importante para alcançar as aspirações.
Cisse felicitou a equipa cabo-verdiana, mas disse que Senegal vai encarar todos os jogos com a mesma determinação, com olhos postos na vitória, alegando que conta com jogadores que representam ligas muito competitivas e que estão apostados em dignificar o futebol senegalês.
Cabo Verde perdeu sábado em Dakar por 2-0 com o Senegal, em jogo da jornada inaugural do grupo D e qualificação para o Mundial'2018.
No outro jogo deste grupo, Burkina Faso recebeu África do Sul e empataram a uma bola.
Fonte: Inforpress