A federação holandesa de futebol (KNVB) decretou esta quarta-feira, dia 18, a descida de divisão do FC Twente de Jerson Cabral.


O clube do cabo-verdiano, um dos convocados do seleccionador nacional Felisberto Cardoso, (Professor Beto), para o embate de qualificação para o CAN’17, a ser disputado a 4 de Junho, da seleção nacional frente a São Tomé e Príncipe, foi castigado devido a “irregularidades financeiras”, nomeadamente à relação com a Doyen, relação esta que já custara ao emblema de Enschede o afastamento das provas europeias durante três temporadas.

De acordo com a KNVB, a Doyen injetou, ilegalmente, cinco milhões de euros no Twente, em troca de uma percentagem na transferência de sete atletas.

Além da descida de divisão o Twente foi castigado com uma multa de 45.250 euros.

O clube campeão nacional da Holanda em 2010 ainda pode recorrer.