De acordo com o jornal Correio da Manhã, o antigo presidente do Sporting investiu 330 mil euros em atletas que não constam nos registos da FIFA.


Bruno de Carvalho, à data presidente do Sporting, assinou um acordo com o Batuque FC, onde os leões pagaram 330 mil euros para ter o direito de preferência por sete jogadores do clube.

No entanto, nem a FIFA tem informações de quatro dos sete futebolistas presentes nesse acordo.

Ao que o Correio da Manhã apurou, não existe qualquer documento que prove a existência dos quatro atletas.

Os três únicos jogadores que pertencem ao Batuque FC e que estão presentes nesse acordo nem sequer tinham conhecimento do direito de preferência do Sporting.

"Estou surpreendido. Ninguém me disse nada. Mas era um sonho jogar no Sporting", disse Fabrício Kone quando entrevistado pelo jornal português.

cm