Bruno Varela não gostou da forma como saiu - a título de empréstimo - do Benfica para o Ajax, em janeiro, algo que aconteceu por ter sido relegado para terceira escolha do clube da Luz. Em entrevista ao “Jogo” esta segunda-feira, Varela confessa que não gostou da forma como foi tratado na Luz e fala sobre o futuro.


“Tinha sido titular na época anterior, cometi um erro e saí, mas são opções e não gosto de comentar isso. Respeito as decisões e os meus treinadores, independentemente da forma como sou tratado. Mas não gostei da forma como fui tratado, nem um pouco, mas é a vida no futebol”, diz o guarda-redes.

Na época passada, Varela foi o dono da baliza do Benfica, mas este ano não lhe foi dada qualquer hipótese. “Passei para terceiro guarda-redes e obviamente não fiquei satisfeito. De certa forma, não consegui compreender muito bem”, afirma.

Questionado sobre o futuro, o guarda-redes preferiu não se comprometer à partida com nenhum cenário: tanto pode voltar ao Benfica como ficar no Ajax.

“Em termos pessoais quero ficar onde for melhor para mim. Se tiver de voltar [ao Benfica], voltarei com todo o prazer, desde que seja para disputar um lugar e lutar pela titularidade. Se tiver de ficar no Ajax, também ficarei com todo o prazer.

Inglaterra, França, Espanha, o mais importante é que seja a opção que for melhor para mim”, diz.
lusa