O jovem treinador de origem cabo-verdiana Rui Costa vai treinar na próxima época a equipa feminina de sub-17, do West Ham, da Inglaterra.


Rui Costa, filho de mãe cabo-verdiana, nascido em Lisboa, criado no bairro de Costa de Caparica, estava a comandar a equipa masculina do Woodfort Town FC, da terceira divisão da Inglaterra (Essex Senior League).

Numa recente entrevista à Inforpress, revelou que sonha um dia treinar a seleção de Cabo Verde.

Sempre ligado às suas raízes, Rui Costa é um seguidor do futebol de Cabo Verde e estudioso das habilidades e características dos jogadores cabo-verdianos.

A história deste luso-cabo-verdiano é de perseverança e aventura, cresceu na Austrália, até seis anos, jogou no Azinhaga das Paivas e Monte Caparica, em Portugal, e com 18 anos foi jogar no Castelar Celtic, na Irlanda.

Depois de um regresso relâmpago a Portugal, voltou a sair para a Inglaterra, onde jogou em clubes de menor dimensão, acabando por voltar de novo à Austrália, para representar o Melbourne Kinghts, onde fez 24 partidas e marcou três golos.

A carreira como futebolista terminou muito cedo e com 30 anos treinou o Woodford Town FC, tendo ainda passagens por Emn FC (sub-16), Dagenham United (Sub-21) e Redbridge FC, antes dessa primeira aventura no futebol feminino.
Sapo