António Paiva Tavares, conhecido por Fufuco, avançado do Recreativo da Caála do Girabola, emprestado ao Domant FC, também da primeira divisão do campeonato angolano, decidiu em dizer adeus ao futebol angolano e regressar a Cabo Verde.
Disse o próprio na sua página de facebook.


“Devido a alguns problemas pessoais acho que já é hora de dizer um adeus ao futebol angolano. Depois de tantas batalhas, tanto sofrimento, tantas alegrias, tantas saudades,  já decedi  em ir-me embora para Cabo Verde. Desta vez a decisão já está tomada ..decidi se é para jogar e ficar sem receber muitos meses prefiro fazer isso no meu país. Jogar so por jogar não dá. É triste quando a gente saí do país dele para tentar ganhar um pão para tentar ajudar a família e tem clubes que só atrapalham a vida de cada jogador. Meses e mais meses de salários em atraso. Isso é triste. Por causa disso eu estou sem moral para fazer o que mais gosto de fazer, jogar a bola.”, disse o internacional cabo-verdiano.

O jogador, que se destacou ao serviço do Boavista da Praia, agradece aos colegas, treinadores e alguns digirentes angolanos que sempre o apoiaram.

“Um obrigado a todos que foram meus colegas de trabalho,  todos os treinadores que que me fizeram tornar mais forte, mais experiente e mais jogador. Também um obrigado a alguns dirigentes em Angola , porque nem todos são iguais.”, disse.
“Estou a sair disso não é porque eu quero mas sim por decepção em trabalhar para nada ..obrigado.”, concluiu.

Recordamos que em Julho de 2015 o jogador, de 29 anos, que ainda já teve passagens no estrangeiro pelo Hatta Club (Emirados Árabes Unidos), T&T Ha Noi (Vietname) e U. Leiria, Chaves e Operário Lagoa (Portugal), tinha anunciado a intenção de dizer adeus ao futebol internacional para regressar ao Boavista da Praia.