Os dirigentes das 20 equipas federadas da ilha do Fogo, sendo 10 do primeiro escalão e outras tantas do segundo escalão, elegem sábado, os novos órgãos sociais da Associação Regional de Futebol, para biénio 2016/18.


A pouco mais de 24 horas para o término do prazo para a entrega das listas concorrentes, apenas a candidatura liderada pelo actual presidente da Associação Regional de Futebol, Pedro Fernandes Pires, oficializou a sua candidatura o que deixa entender a possibilidade de uma candidatura única.
Além de proceder a entrega da lista à mesa da Assembleia Geral da Associação, Pedro Fernandes Pires, apresentou o plano de actividades para a época futebolística 2016/17, no qual se destaca a realização dos campeonatos regionais de primeiro e segundo escalões, campeonato de sub-17, campeonato sénior feminino, campeonato dos veteranos, assim como a implementação de futsal a nível da ilha (Mosteiros, Santa Catarina e São Filipe), futbol de praia e capacitação e formação dos recursos humanos.
O reforço dos meios de comunicação interna, nomeadamente entre o ‘staff’ da associação e os clubes, promoção de formação contínua de dirigentes no âmbito da elaboração de projectos e secretariado, realização de cursos de treinadores de futebol nível C, B e D na ilha do Fogo, realização de encontros das escolas de iniciação desportiva, apoiar as equipas com subsidio para transporte e com material desportivo, sobretudo as equipas periféricas, são de entre outras acções que Pedro Fernandes Pires propõe realizar caso mereça a confiança dos clubes da ilha.
Pedro Fernandes Pires encontra-se à frente da Associação Regional de Futebol do Fogo desde 2011 de forma consecutiva. Antes, já tinha desempenhado também as funções de presidente da Associação Regional de Futebol do Fogo.
Fonte: Inforpress