A equipa Académica do Fogo sagrou-se hoje vencedor da edição 2017 do torneio quadrangular de futebol das festividades do Dia do Município e da Bandeira de São Filipe, no ano da celebração do centenário do desenterro da bandeira.


A formação da Académica do Fogo que “cilindrou” a sua congénere da Brava por 10-2, somou seis pontos, fruto de duas vitórias, assim como o Vulcânico, mas venceu devido à diferença de golos marcados e sofridos.
O Vulcânico venceu o Desportivo de Curral Grande da comunidade emigrada nos Estados Unidos da América e ficou com a segunda posição.
Resultados dos jogo: primeira jornada Académica do Fogo 3 – Desportivo de Curral Grande 0 e Vulcânico 4 – Académica da Brava 0, segunda jornada Académica do Fogo 10 – Académica da Brava 0 e Desportivo de Curral Grande 2 – Vulcânico 4.
Em termos de classificação geral, Académica, primeiro classificado com seis pontos, Vulcânico segundo classificado com igual número de pontos, Desportivo de Curral Grande com zero pontos, assim como a Académica da Brava.
Todas as equipas participantes receberam taças e os dois primeiros classificados também foram contemplados com medalhas.
As equipas da Académica e Vulcânico dividiram os outros troféus, sendo que Si da Académica recebeu duas taças individuais, de melhor marcador com seis golos e melhor jogador do torneio, Lu do Vulcânico como guarda-redes menos batido, zero golos sofridos assim como Djidjé da Académica, mas no desempate a organização atribuiu a taça ao guarda-redes do Vulcânico por ser mais novo.
O Vulcânico foi ainda a equipa mais bem disciplinada e nas duas partidas nenhum dos seus jogadores ou dirigentes foram amoestados com cartões o que lhe valeu a taça fair-play.
Com relação ao trio de arbitragem, porque cada um dirigiu um jogo e fica complicado a avaliação, a organização optou pela atribuição do troféu ao árbitro mais antigo, neste caso o contemplado foi João Domingos Mendes.
Pelo meio realizou-se a prova de atletismo na modalidade de 100 metros masculino, sendo que o vencedor foi Xuxu, seguido de Zé Batinha e Evandro, que igualmente receberam os seus troféus, assim como as vencedoras da prova feminina.
No período da tarde deste domingo, realizou-se pelas ruas da cidade desfile de motos, este ano com dois grupos, já que os motoqueiros não se entenderam para organização de um desfile único.
A equipa do Desportivo de Curral Grande ofertou à escola de iniciação de futebol “Sem Fronteira” um jogo de equipamento e algumas bolas.
Fonte: Inforpress