A Académica derrotou hoje o Nova Era por 2-1, no jogo a contar para a décima-terceira jornada do campeonato regional do Fogo, primeiro escalão, e mantém os três pontos de vantagem sobre o segundo classificado.


A Académica, sem uma actuação brilhante, conseguiu triunfar na partida disputada no estádio 5 de Julho com golos apontados na primeira meia hora do jogo. Primeiro marcou Jardel para Académica aos nove minutos, depois Gafanhotin empatou aos 19 minutos na conversão de uma grande penalidade defendida num primeiro momento por Djidje nas na recarga o jogador de Nova Era conseguiu fazer o golo de igualdade.
A Académica viria a marcar o seu segundo golo seis minutos depois por intermédio de Fifa, resultado que já não se alterou até ao final da partida.
A segunda metade do desafio foi disputado num ritmo sonolento e pobre em todos os níveis, sobretudo pelo líder do campeonato que tem jogadores com capacidade para jogar um futebol de qualidade superior.
A equipa de arbitragem apresentou-se com uniforme diferente (calções) mas mesmo assim o arbitro exigiu que as equipas estivessem uniformizadas a rigor e expulsou o dirigente da Académica do banco de suplentes por este usar óculos escuros.
No intervalo do jogo foram colocadas as insígnias da Federação Internacional de Futebol (FIFA) às árbitras Ana Lopes (central) e Marisa Monteiro (assistente) passando assim a ser árbitras internacionais.
No segundo jogo, disputado no estádio 5 de Julho, a formação de Valencia  goleou o ABC de Patim por 7-1, afundando cada vez mais a formação de Patim que está condenado a regressar ao segundo escalão.
O primeiro golo foi marcado pelo defesa central do ABC, na própria baliza, e depois Basy, o melhor marcador do regional, apontou mais quatro golos, sendo um no primeiro tempo e três no segundo, Dany aumentou para 6-0 e Mauro reduziu de grande penalidade (6-1). Djica no último minuto marcou o sétimo golo de Valencia.
No estádio Monte Pelado, o Desportivo foi derrotado pelo Vulcânico por 2-0 com golos de Bobana e Adérito, marcados na primeira parte.
Nos Mosteiros, no estádio Francisco José Rodrigues, o Cutelinho depois de ter estado a perder deu a volta ao resultado, vencendo o Nô Pintcha por 2-1. Com esta vitória e conquista de mais três pontos, o Cutelinho fica a dois pontos do Nova Era e a um ponto do Desportivo e a luta pela manutenção vai ser disputada pelas três equipas no resto de jogos que ainda faltam.
Resultados parciais dos jogos da 13 jornada: Nova Era 1 – Académica 2, Valencia 7 – ABC Patim 1, Desportivo 0 – Vulcânico 2 e Cutelinho 2 – Nô Pintcha 1. A jornada fica completa este domingo com o jogo Botafogo – Spartak.
A classificação é liderada pela Académica com 33 pontos, seguido de Vulcânico (30), Botafogo (24), Nô Pintcha (21), Valência (18), Spartak (16), Nova Era (13), Desportivo (12), Cutelinho (11) e ABC de Patim (03).
JR/CP
Inforpress