O Spartak derrotou hoje no estádio 5 de Julho o Botafogo nas grandes penalidades e vai defrontar o Vulcânico na final da edição 2019/20 da “taça Fogo” em futebol, a ter lugar no dia 04 de Abril.


O jogo terminou empatado a zero golos entre as duas equipas e na lotaria das grandes penalidades, o Spartak venceu por 7-6, com Inielson a permitir a defesa do guarda-redes do Spartak, Paulo, classificando assim a sua formação para a final da taça Fogo, podendo repetir o efeito conseguido há seis épocas.
Ao todo foram marcados 14 penaltis, sendo sete para o Spartak e todos transformados em golos e igual número para o Botafogo que marcou seis e desperdiçou um.
A primeira parte do desafio foi de má qualidade e sem grandes jogadas, mas a segunda parte foi dominada pelo Botafogo que criou cerca de meia dezena de oportunidades de golos que foram desperdiçadas.
A final da taça está agendada para o dia 04 de Abril, no estádio 5 de Julho, na cidade de São Filipe.
No próximo fim-de-semana, será retomado o campeonato regional do primeiro escalão com os jogos referentes à 15ª jornada, com destaque para o jogo entre o líder, Académica, e o terceiro colocado, Botafogo, duas equipas que foram eliminadas nas meias-finais da taça Fogo nas lotarias de grandes penalidades.
JR/JMV
Inforpress