A equipa de Santana goleou no passado domingo, 16, a sua adversária a turma de Cruzeiro por 9-0, conseguiu subir de divisão, e os dirigentes elegem como prioridade a manutenção na prova.



Em conversa hoje com a Inforpress, o dirigente da equipa de Santana, Adilson Monteiro, assegurou que, desde o início do campeonato, traçaram como objectivo a subida de divisão, pelo que estão “satisfeitos” com o feito conseguido, mas que isso eleva as responsabilidades da equipa, que, na sua opinião, não merecia estar na segunda divisão, porém, admitiu que serviu para a maturação da equipa.

Conforme afiançou aquele representante, a equipa não possui recurso financeiro para adquirir jogadores à semelhança do que vem acontecendo com os seus adversários. Todavia disse estar convicto de que é preciso trabalhar para reforçar o plantel, com vista a atingir o objectivo que passa pela manutenção na primeira divisão.

Neste sentido, Adilson Monteiro aproveitou a ocasião para exortar todos os adeptos, amigos e simpatizantes da equipa a darem os seus contributos para que possam organizar da melhor forma a próxima época, que, na sua opinião, vai ser mais exigente, tendo em conta o nível de competição que se pratica no futebol da ilha neste momento.

Por seu lado, o treinador da equipa de Santana, Totin, manifestou todo o seu contentamento pela conquista alcançada, graças ao empenho tanto dos jogadores como da direcção e da equipa técnica que, no seu entender, esteve incansavelmente determinada e focada em atingir este objectivo.

Questionado se vai representar a equipa no próximo ano, aquele técnico disse não poder afirmar isso, porque esta decisão cabe à direcção, mas que caso venha a ser uma outra pessoa o objectivo vai continuar o mesmo, ou seja, trabalhar e vencer cada partida e no fim garantir a manutenção na primeira divisão.

“Durante o campeonato fomos uma equipa coesa, embora perdemos um jogo, mas isso não nos fez desistir do nosso sonho que era ser campeão, porque conseguimos como todo o mérito, agora é festejar e começar a trabalhar para a próxima época”, salientou.

Inforpress