Futebol Sal



As equipas dos Gaviões e Oásis conseguiram este domingo a passagem para a segunda eliminatória da Taça Dja D’Sal, ao eliminarem o JURF e o Chã de Matias respectivamente.


SC Santa Maria e Florença garantiram este domingo a passagem à próxima fase da Taça Dja D’ Sal ao eliminarem o SC Verdun e a Pretória, respectivamente.


O SC Santa Maria conquistou no sábado a Super Taça Sansa Gomes ao vencer o Palmeira por 2-1.



Conforme avançou a ARFS, por força do desaparecimento físico do senhor Germano Barros, ex-atleta, treinador e dirigente da Académica do Sal, contrariamente ao inicialmente previsto, a primeira eliminatória da Taça Djad’ Sal, só arranca no domingo com a realização de dois jogos.


O internacional cabo-verdiano de sub-16, da Escola de Futebol Maracanã, vai representar o Oásis Atlântico, da ilha do Sal, treinado pelo ex-seleccionador nacional Lúcio Antunes.


Antonio Leite, conhecido por Toca, jogador do SC Santa Maria, assumiu provisoriamente o comando técnico do SC Santa Maria.


A nova época desportiva, na ilha do Sal, está prevista para o dia 27 de Outubro, no Estádio Marcelo Leitão, na presença dos familiares, nos Espargos, com torneio de abertura da Super Taça Dja d’Sal, em homenagem a Sança Gomes.


A  equipa do Oásis, recém promovida à primeira divisão, venceu este domingo o Asgui por 2-1  e alcançou a Juventude na liderança do campeonato regional do Sal, com 12 pontos.


A equipa do Académico do Aeroporto do Sal resgatou o “casamento” antigo com o treinador Ben-Hur, cuja oficialização pública, com um contrato de uma época renovável, aconteceu terça-feira, no respectivo clube desportivo.


O Palmeira conquistou o título regional na Ilha do Sal ao vencer a Florença por 3-1, em jogo disputado, Domingo, dia 25, no Municipal Marcelo Leitão.