O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, instou hoje os atletas do Clube Desportivo Tchadense, no bairro de Achada Santo António, Cidade da Praia, a serem tanto bons desportistas como também bons cidadãos.


Jorge Carlos Fonseca fez esse presságio durante a visita que efectuou ao clube a convite do dirigente do mesmo, Óscar Rodrigues (Caló), que quis apresentar a nova fase de formação dos seus atletas, e dar a conhecer ao chefe de Estado o projecto que têm desenvolvido até agora e os que têm para 2018, nomeadamente, no campeonato nacional, perspectivas de internacionalização dos jogadores e parcerias.
Em declarações à imprensa, Jorge Carlos Fonseca que se interessa muito pelo desporto, particularmente o futebol, afirmou que o desporto é um “meio fundamental” da promoção de valores e da cidadania, sublinhando que o Tchadense é uma equipa “extremamente jovem”, que tem atletas com uma média de idade de vinte e poucos anos.
“A mensagem que deixo é que sejam bons e melhores possíveis nas actividades que desempenham, ou seja, se jogam futebol, devem praticar para que sejam bons desportistas e bons futebolistas, para servirem o desporto de Santiago e de Cabo Verde, tanto dentro como fora do país”, disse, acrescentando que também devem ser cidadãos que se preocupam com a sua ilha e o seu país, assim como devem ser pessoas sérias que preservam valores.
Por sua vez, Caló mostrou-se satisfeito e motivado com a visita do Presidente da República e afirmou que é um “prémio de jogo” aos seus jogadores que durante esses três anos so sua direcção têm tido “grandes desempenhos”.
Neste momento, Clube Desportivo Tchadense está no quinto lugar do campeonato de futebol de Santiago Sul.
A esse propósito, Caló afirmou que o objectivo traçado desde o início da época era isso, já que os dois primeiros lugares devem ir para o campeonato nacional e os três vão marcar presença no campeonato da liga entre Santiago Norte e Santiago Sul.
Inforpress