A equipa do Rosariense sagrou-se, hoje, vencedor do torneio de abertura da época futebolística na região norte de Santo Antão, ao vencer o Paulense por 3-0 e somar inalcançáveis 10 pontos na tabela classificativa da competição.


O Rosariense entrou aparentando vontade de “resolver o assunto” logo nos primeiros minutos e foi criando e desperdiçando oportunidades de marcar até que, aos 39 minutos, Ronaldo acertou com a baliza e fez o 1-0, resultado com que terminou a primeira parte.
Na segunda metade coube a Gil brilhar na partida e marcou o segundo do Rosariense aos 51 minutos e bisou aos 62 minutos, fixando em 3-0 o resultado final da partida e o Rosariense levantou o “caneco” ainda antes da realização do último jogo da competição (Solpontense x Foguetões) tendo em conta que este já só serve para cumprir calendário.
A primeira partida da tarde ainda avivou o sonho do Santo Crucifixo na conquista do troféu, já que venceu o Beira Mar por 2-0, e passou a liderar a tabela classificativa, à condição, com mais um ponto que o Beira Mar e precisava de uma derrota das equipas do Rosariense e do Foguetões para vencer a prova.
Gogol (26 minutos) na transformação de uma grande penalidade e Pilita (65 minutos) marcaram os dois golos da vitória do Santo Crucifixo.
Com os resultados deste sábado o Rosariense terminou com 10 pontos, o Santo Crucifixo é actual segundo classificado com 08 pontos, seguido do Beira Mar que é terceiro com os mesmos 07 pontos que já trazia da última jornada.
Na segunda metade da tabela classificativa, todas as actuais posições poderão sofrer alterações já que o Foguetões ocupa a quarta posição, com menos um jogo e com possibilidades de saltar para a segunda posição em caso de vitória sobre o Solpontense, no jogo de domingo, mas em caso de vitória do Solpontense seria o Paulense (com cinco pontos) a afundar-se na última posição enquanto o Solpontense igualaria os seis pontos do Foguetões.
Na segunda divisão será disputada a partida Torreense X São Pedro e tudo está em aberto porque uma vitória do Torreense faria com que todas as três equipas ficassem com os mesmos três pontos e o troféu seria entregue à equipa que acumulasse os melhores critérios de desempate.
Inforpress