O técnico de futebol Artur Fortes confirmou hoje, em declarações à Inforpress, que a sua saída do comando técnico da equipa do Rosariense é facto consumado.


Artur Fortes, conhecido por Tutuia Hasselbank, bate com a porta sentindo-se ferido com a ingratidão de certas “pessoas próximas do Rosariense” que “não valorizam nem respeitam o trabalho de quem faz alguma coisa” pelo clube.
“Essas coisas deixam mágoas”, queixou-se Tutuia, explicando que há 15 dias, depois da vitória na supertaça, “tinha enviado uma mensagem ao presidente do Rosariense, dizendo que queria sair”, mas ele não aceitou, na altura, e conseguiu “manter-me à frente da equipa mas estou feliz e prefiro sair”.
Tutuia prefere não mencionar nomes, preferindo referir-se a “pessoas próximas que querem fazer uma campanha para destruir algo que foi difícil de construir”.
“Sempre tive todo o apoio da direcção do clube” disse Tutuia que, apesar disso, não cogita repensar a decisão e continuar à frente da equipa técnica do Rosariense.
Tutuia vai manter-se à frente da equipa até à próxima quinta-feira, para o jogo da taça regional, frente ao Torreense, para dar tempo à Direcção para encontrar o seu substituto.
Inforpress