O Sinagoga venceu o Solpontense por 4-0 e sagrou-se, este domingo, vencedor da “Taça Município da Ribeira Grande/2016”, em futebol, enquadrado nas comemorações do 17 de Janeiro, dia do Município local e do patrono Santo Antão.


Apesar da sobrecarga física, por ser o terceiro jogo disputado em três dias consecutivos, os atletas do Solpontene deram boa conta de si, embora se tenham mostrado perdulários nalguns momentos da partida, mas discutiram o jogo pelo jogo com uma equipa, Sinagoga, mais fresca fisicamente e com um plantel muito forte.
A volumosa vitória do Sinagoga começou a ser desenhada aos 12 minutos, por intermédio de Djosa que, de cabeça, abriu o activo com um golo de belo efeito.
O Solpontense criou a sua primeira grande oportunidade de marcar aos 26 minutos de jogo, mas o lance não resultou em golo para a satisfação do combinado de Sinagoga, pelo que o jogo chegou ao intervalo com a magra vantagem de 1-0 favorável ao Sinagoga.
Aos 62 minutos, o Sinagoga ganha uma grande penalidade e Todja, chamado para a transformação, atirou com mestria e fez o 2-0, enganando completamente o guarda-redes Marcos que saltou para o lado contrário.
Antes do terceiro golo ainda o Sinagoga voltou a criar perigo, mas o guarda-redes Marcos chegou para as encomendas e evitou o pior para as suas redes.
No lance, o dianteiro Nuno, do Sinagoga, não conseguiu evitar o choque com o guarda-redes do Solpontense e teve de receber assistência.
No minuto 80, o guarda-redes Marcos esteve em grande ao defender um remate à queima-roupa desferido por um dianteiro do Sinagoga, mas defendeu para canto e, na sequência da movimentação feita por Bida, Mantcha elevou a contagem para 3-0, com um desvio de cabeça.
A goleada viria a ser consumada por Bida, aos 89 minutos, quando rematou para a baliza e fez a bola tabelar num defesa do Solpontense e, traído pela trajectória do esférico, Marcos nada pôde fazer para evitar o 4-0 final.
O torneio do Município foi disputado pelos seis clubes sediados no concelho da Ribeira Grande, no sistema de eliminatórias, e decorreu desde sexta-feira, dia em que o Solpontense venceu o São Pedro Apóstolo por 3-1 e o Beira-mar venceu o Santo Crucifixo por 2-1.
No sábado, o Sinagoga apurou-se para a final ao vencer o Rosariense por 3-1 e os vencedores de sexta-feira, Solpontense e Beira-mar, defrontaram-se na disputa do acesso à final e a vitória sorriu ao Solpontense que, após empate a duas bolas, nos 90 minutos regulamentares, foi mais feliz na lotaria das grandes penalidades e garantiu o lugar em disputa.
Refira-se que no Paul disputou-se a “Taça Paul”, no sistema de pontuação, com a participação dos quatro clubes oficiais daquele concelho e o Paulense, mais uma vez, sagrou-se vencedor da competição.
Fonte: Inforpress