Nascido no bairo da Achada Santo António, José Monteiro, mais conhecido por Zé Gaiado, destacou-se no futebol no Vitória da Praia em 1978.


Depois de vários anos no Vitória, em 1983, mudou-se para a Académica da Praia, onde, em 1989, conquistou o campeonato de Santiago.

Um ponta de lança inteligente e muito veloz, que sabia jogar sem a bola, balançou por várias vezes as redes da Várzea pelos clubes que representou em Santiago.

Sempre que pudesse marcava presença e fazia estragos em jogos de subúrbios pelo Babolacha do bairro que o viu nascer, especialmente no campo de Sucupira em confrontos com a equipa do Varanda.

Em pé, da esq. para a direita: Quim (já falecido), Zé de Nhana, Albino, Balalam de Pinto, Noel Piça, Abel São Vicente, Nha Kapa, Zé Maria, Djoni Guguta e Toca (já falecido)
Agachados, da esq para a direita : Box, Cadino (já falecido), Bassana, Djoblas, Abel Praia, Rubom (já falecido) e Zé Gaiado.

Um finalizador nato, que era difícil de ser marcado, e que aparecia sempre no momento certo para marcar, representou a seleção de Santiago e de Cabo Verde em  várias ocasiões, de 1984 a 1991.

Em 1986, esteve presente na seleção que atingiu as meias-finais contra Senegal na Taça Amilcar Cabral em Gâmbia.

Pendurou as Chuteiras em 1995, deixando um legado de um dos melhores ponta de lança que já passaram pelo Estádio da Várzea e de Cabo Verde.

Em 1999 emigrou-se para os EUA.

Nos EUA, onde vive actualmente, representou ainda algumas seleções e equipas de Veteranos.

Em 2016 foi homenageado pela equipa de futebol Kebra Kanela FC.

ADP
CrioloSports