O tenista de São Vicente Marvim Silva sagrou-se esta noite campeão de Cabo Verde 2017/18, em séniores masculino, ao vencer Samuel Fortes (Santo Antão), na final realizada no Court e Ténis da Praia.


Num tira-teimas renhido entre dois tenistas que se conhecem bem, Marvim Silva beneficiou da desistência de Samuel Fortes, que teve de abandonar a prova durante o primeiro “sets”, à contas com uma lesão no pulso direito.
Já em feminino, Nadine de Pina venceu o nacional ,ao bater na final a sua congénere de Santiago Sul, Sílvia Nascimento, numa partida que colocou frente a frente duas tenistas da região desportiva de Santiago Sul, pelos parciais de 6-1/,4-6/ e 6/1.
Na categoria de juniores, Gildo de Jesus chamou a si o título de campeão de Cabo Verde, ao bater na final o seu irmão gémeo Gil de Jesus (ambos de São Vicente), pelos parciais de 6-4/, 0-6, e 4-6.
Já em veteranos, Orlando Lima (Santiago Sul) conquistou o nacional da modalidade, na final disputada frente a Hermenegildo Jesus (São Vicente), pelos parciais de 3/6, 6/4, e 4-6.
A Federação Cabo-verdiana de Ténis premiou os finalistas, tendo aproveitado a ocasião para homenagear algumas figuras de Santiago Sul, como Djódjó, antigo campeão nacional e formador de atletas e Vovó Bia, pela sua ligação à modalidade.
O Campeonato de Cabo Verde vinha sendo realizado desde 19 do corrente, envolvendo tenistas de Santiago Sul, São Vicente, Santo Antão e Sal.
Inforpress