O campeonato nacional de Andebol, no escalão sénior feminino, inicia hoje, na ilha do Sal, com o confronto entre o ABC da Praia e o Palmeiras da ilha anfitriã da prova.


Nesta competição participam seis equipas, estando divididas em dois grupos de três, pontificando o facto da ilha do Sal contar com duas formações, o Palmeiras e o Grémio.
Na poule estão o ABC da Praia, o Super Estrela de Santo Antão e o Palmeiras, enquanto no outro grupo alinham o Atlético de São Vicente, Graciosa de Tarrafal de Santiago e Grémio.
Para as meias-finais, segundo o regulamento, passam os dois primeiros do grupo, sendo que o primeiro do grupo A defronta o segundo do B e líder do grupo B o segundo do outro poule.
A competição acontece a partir de hoje, até o dia 09 de Julho, tendo um orçamento de cerca de quatro mil contos, arcado na totalidade pela Federação Cabo-verdiana de Andebol (FCA).
Hoje, em conferência de imprensa, na Cidade da Praia, o presidente da FCA, Nelson Martins lamentou a não participação   da equipa do Seven Stars, da ilha de Santigo, esclarecendo que esta agremiação se “auto-exclui” da competição alegando factos que não competiam à federação.
Por isso, informou que no lugar dos Sevens Stars foi repescado o Grémio, da ilha do Sal, numa decisão concertada entre todas as associações de andebol.
“Os grémios foram repescados por ser o segundo lugar da ilha Sal, atrás do Palmeiras, e também pelo facto do campeonato acontecer no Sal será um custo menor para a FCA em termos de deslocações e estadias”, explicou o presidente Nelson Martins.
No entanto, para hoje, no Pavilhão Municipal de Espargos, depois do jogo de estreia entre o ABC da Praia e Palmeiras (Sal), referente à primeira jornada do Grupo A, jogam logo a seguir Atlético de São Vicente e Grémio do Sal, no que concerne  ao poule B.
Fonte: Inforpress