A equipa dos Picos, em São Salvador do Mundo, sagrou-se este sábado campeã regional de andebol de Santiago Norte, em sénior masculino, ao bater Graciosa do Tarrafal por 36-34, no quinto jogo da final do playoff.


Com este resultado conseguido na segunda parte do prolongamento, num jogo muito competitivo os rapazes juntam-se às meninas do mesmo concelho e vão representar pela primeira vez a região de Santiago Norte no campeonato nacional sénior masculino e feminino e masculino, aprazado para este mês.
No final da partida, que decorreu no polidesportivo de Nhagar, em Assomada, o treinador da formação dos Picos que também treina as meninas, Edmilson Martins, mostrou-se mais uma vez satisfeito com mais um título “arrancado com muito suor”, tendo realçado a qualidade da sua equipa.
Relativamente ao campeonato nacional assegurou que vão trabalhar para que as duas equipas possam representar a região da “melhor forma possível”, tendo em conta que estão à altura que jogar “de igual para igua”l com qualquer outra equipa.
Entretanto, Edmilson Martins lamentou o facto de a equipa carecer de muitos materiais, mormente bolas, gel para dores musculares, ou seja, “os atletas precisam de tudo”, realçou, apelando ainda a quem de direito para os ajudar, para que possam fazer uma “boa prestação”.
Por sua vez, o técnico da Graciosa, Amílcar Costa felicitou a equipa dos Picos pela vitória, desejando “boa sorte” e que represente a região de Santiago Norte da melhor forma.
Costa reconheceu ainda que há ganhos na modalidade na região e aproveitou a ocasião para criticar a liderança do actual presidente da Associação Regional de Andebol, afirmando que o mesmo “não está em condições de dirigir a associação”,
“Se continuar vai acabar com a modalidade na região”, afirmou, apelando ainda a Federação Cabo-verdiana de Andebol no sentido de promover um encontro para sanar a situação, lembrando que não é apenas a sua equipa que está descontente com a liderança do actual presidente.
A equipa dos Picos sagrou-se campeã de andebol sénior masculino de Santiago Norte, numa partida marcada por “muita confusão”, tendo os adeptos invadido o recinto e as luzes apagadas ainda com os jogadores no campo.
Em virtude desta situação vários jogadores foram penalizados.
Inforpress