A equipa do Atlético, em sénior masculinos, conquistou na noite de terça-feira, 30, o bi-campeonato de Cabo Verde em andebol, clube que faz, assim, o pleno pois, uma semana antes, a equipa feminina conquistara o título da categoria.


Uma época “em cheio” do clube de São Vicente que, na noite de terça-feira, no Polidesportivo Município de Oeiras, no Mindelo, venceu, na final masculina, o Desportivo da Praia por 35-29, o que confere ao clube o estatuto de bicampeão de Cabo Verde.
O treinador Aquilino Fortes reconheceu que a sua equipa teve pela frente um adversário forte, que coloca agressividade no jogo, mas que já conhecia depois de vários jogos, pelo que considerou tratar-se de uma “grande e merecida” vitória do seu clube.
“Agora vamos festejar e depois é ver se há condições para a nossa participação na Liga Africana dos Campeões de Clubes, na cidade da Praia”, ajuntou a mesma fonte.
É que, o Atlético vai estar no campeonato africano da modalidade nas classes masculina e feminina e, devido aos custos inerentes, o técnico apelou “a todas as autoridades desportivas e não só” para apoiar o Atlético porque “fica complicado sem apoios” representar “da melhor forma” o andebol de Cabo Verde.
No jogo de atribuição do 3º lugar a Académica da Boa Vista derrotou o Farense de São Vicente por 31-29.
Inforpress