Leandro Semedo demonstrou o seu descontentamento com o Governo de Cabo Verde no que diz respeito ao andebol.


Em entrevista exclusiva ao CrioloSports, o capitão da seleção nacional de Cabo Verde, revelou que a maioria dos atletas estão a pensar a não participar no mundial de 2021 de Andebol, a ser disputado no Egipto.

“A maioria dos atletas estão a pensar em recusar participar no Mundial. Se continuarmos a aceitar pouco as coisas não vão mudar. Só dizer que vamos ter uma boa participação, um estágio e um hotel não é suficiente. ”, disse o ex jogador do Porto, agora jogador do Ademar Leon da Espanha, sem revelar o nome dos outros atletas.

Leandro lamenta a falta de valorização dos atletas que conseguiram  o quinto lugar Campeonato africano de Nações(CAN) e logo a histórica qualificação para o Mundial de Andebol de 2021.

“Como capitão peço ao governo para nos dar o mérito que merecemos”, continuou.

“Até fizemos uma carta aberta para o Governo de Cabo Verde. Sabemos que em 2013 os jogadores da seleção nacional de futebol receberam prémios pelo apuramento para o CAN. Porque não o andebol? Se apurar para um CAN recebe-se prémios porque não para um mundial?”., disse.

A selecção cabo-verdiana de andebol sénior masculina qualificou-se pela primeira vez na sua história para um Campeonato do Mundo, durante o Campeonato Africano das Nações, realizado em Janeiro deste ano na Tunísia.

O mundial de andebol está previsto para 2021, no Egipto.

Veja o extrato da entrevista

Siga e Inscreva-se no nosso canal da YouTube!


ADP
CrioloSports