O campeonato regional de karaté de Santo Antão que tem vindo a ser adiado sistematicamente, pode estar comprometido, admitiu hoje à Inforpress o presidente da Associação Regional de Karaté, desta ilha, Nelson Lima.


Em causa está a "falta de adversários" para a escola de karaté do Porto Novo, uma das três escolas dessa modalidade existentes na ilha de Santo Antão, avançou este responsável.
"Quero informar que o campeonato regional de karaté de Santo Antão pode estar comprometido por falta de adversários para a escola do Porto Novo. Das duas escolas existentes em Ribeira Grande, apenas uma está a treinar, mas ainda não tem atletas para competições", explicou Nelson Lima.
Porém, caso a situação se mantenha, a Associação Regional de Karaté de Santo Antão poderá optar pela formação de uma selecção, com apenas karatecas do Porto Novo, para representar a ilha no campeonato nacional da modalidade, que deve realizar-se ainda em Agosto.
Santo Antão, cuja associação regional foi filiada na Federação Cabo-verdiana da modalidade (FCK) em 2011, dispõe de três escolas de karaté, sendo um no Porto Novo e dois em Ribeira Grande.
Fonte: Inforpress