A participação de Cabo Verde nos Jogos Olímpicos da Juventude, que vai acontecer de 6 a 18 de Outubro em Buenos Aires, Argentina, está orçada em quatro mil contos.


A informação foi avançada hoje em conferência de imprensa, na Cidade da Praia, pelo secretário-geral do Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC), Nelson Martins, quando questionado pelos jornalistas a projectar a participação de Cabo Verde nessa competição olímpica.
“O Comité Olímpico já iniciou a preparação para Buenos Aires e neste momento temos duas modalidades, o taekwondo e o atletismo”, disse o responsável, avançando que o COC “parte do zero” e está a mobilizar recursos através de financiamento público e privado.
Nelson Martins acredita que com a envolvência dos parceiros, inclusive do Estado, Cabo Verde pode conseguir esse montante e marcar presença nos Jogos Olímpicos da Juventude.
“Logicamente que se não conseguirmos esse montante poderá colocar em causa a nossa partição, mas acredito que com envolvência dos parceiros, inclusive do Estado, possamos conseguir de facto, a nossa participação”, sublinhou.
Marcelo Gomes velocista nos 100 metros da ilha do Sal, Magda Moreira, especialista em 3000 metros, natural de Santiago Norte e Nicalas Fernandes atleta de taekwondo na categoria -55 kg, e residente nos Estados Unidos, são os três jovens cabo-verdianos em preparação para participar no evento de Buenos Aires.
Os Jogos Olímpicos da Juventude são um evento internacional multidesportivo, cuja primeira edição foi realizada em Singapura, Agosto de 2010, tendo o arquipélago concorrido com dois atletas, nas disciplinas de atletismo e Taekwondo, provenientes da ilha do Sal e do Fogo, respectivamente.
Estes Jogos são realizados a cada quatro anos entre edições da mesma estação (Verão ou Inverno), tal como sucede com o actual formato dos Jogos Olímpicos, sendo que a idade dos participantes está limitada entre 15 e 18 anos.
Inforpress