a atleta tem já assegurada a sua participação na prova dos 100 metros no Jogos Olímpicos da Juventude que se realizam de 6 a 18 de Outubro.


Com esta notificação da IAAF, a Federação Cabo-verdiana de Atletismo coloca pela primeira vez uma atleta (feminina) nos Jogos Olímpicos “por mérito”, numa altura em que tinha depositado toda a esperança em conseguir ao menos um “wild card” (convite).
A jovem atleta salense batera o record de Cabo Verde nos 100 metros femininos nos IIII Jogos Africanos da Juventude em Argélia, com o tempo de 12 segundos e 05 centésimos.
Com esta marca, a jovem atleta júnior, superava o record nacional dos 100 metros em sénior feminino, feito que surpreendeu o próprio director técnico e seleccionador de Cabo Verde do atletismo, Júlio Nagana.
Inforpress