O antigo atleta internacional cabo-verdiano Elias Fernandes faleceu esta terça-feira no Hospital Dr Agostinho Neto na Cidade da Praia, onde estava internado nos últimos dias, em tratamento médico.


Outrora atleta de eleição nas provas de fundo em Cabo Verde, Elias Fernandes dominou todas as provas de atletismo realizadas no auge da sua carreira nos anos 80/90, tendo representado o país em várias competições no estrangeiro, numa época que prontifica outros nomes sonantes do atletismo cabo-verdiano como Zé di Mamina (Bairro) e Zé Lata Leite (Achada de Santo António).

Mesmo depois de ter abandonado a carreira de atletismo, Elias Fernandes marcava, de forma sistemática, a sua presença nas provas, enquanto espectador atento ao desenrolar desta modalidade.

O presidente da direcção da Federação Cabo-verdiana de Atletismo,  Alfredo Lima, ao ser contactado pela Inforpress sobre a morte desta figura, considerada marcante do atletismo cabo-verdiano, lamentou “profundamente esta perda de uma grande figura desportiva para o atletismo”, pelo que promete concertar-se com as associações filiadas para a emissão de um comunicado oficial
Inforpress