Os atletas Wilson Cabral e Edéna Lima foram os vencedores da Corrida dos 10 quilómetros das Forças Armadas, edição 2020, realizada esta manhã com partida e meta na zona de Quebra Canela.


Segundo Wilson Cabral, a vitória foi muito dura, por estar juntamente com outros atletas de Assomada, com quem tem estado a treinar para colocar Assomada “la de riba (lá em cima)”.
Apelou ao Governo a apostar mais nos atletas e sublinhou que foi uma vitória conseguida com muito treino e esforço.
Na prova sénior masculina de 10 km, Wilson Cabral teve a companhia no pódio de António Cardoso (segundo) e Gil Mendes.
Na prova sénior feminina, Edéna Lima cortou a meta em primeiro, seguida de Crisolita Rodrigues (segunda) e Jussara Xavier.
Edéna Lima, jovem da Ilha de Santo Antão, mostrou-se satisfeita com a vitória, afirmando mesmo que já lá vão dois anos consecutivos que ganha a Corrida das Forças Armadas.
Na categoria de Militares sénior masculino e feminino, Homero Cardoso e Bernadete Lopes foram os vencedores, ao passo que Orlando Tavares ganhou a prova dos veteranos
Na prova dos 5 Km júnior masculino e feminino, Samuel da Veiga e Kiara Ribeiro foram os vencedores.
Na categoria de visual masculino e feminino destacaram-se Ricardo da Veiga e Leidi Gomes.
Na prova dos Cadeirantes masculino e feminino, Nilton Pires, mais conhecido por “Titico” e Credelina Pereira foram os primeiros.
Na prova PC1 masculino, António Sanches foi o vencedor na T46 (amputado membro superior) e T-70 Carlos Araújo.
Em declarações à Inforpress, Isaías Brito, capitão das Forças Armadas, afirmou que o balanço foi positivo e que está satisfeito com a participação dos atletas, militares e civis, nesta prova que, disse, chegou a 550 inscritos.
Isaías Brito apelou aos cabo-verdianos a continuarem a participar “muito mais” na Corrida das Forças Armadas para o próximo ano.
CG/SR/JMV
Inforpress