Atletismo


Vânia Fernandes foi a grande vencedora da prova feminina ” Promo Trans Gran Canária HG”, que aconteceu hoje, dia 5, em Canárias.


Três atletas cabo-verdianos, da Emicela Team, estarão a representar Cabo Verde na maratona de montanha “Trans Gran Canária”, que acontece de 4 a 6 de Março de 2016.


A Federação Cabo-verdiana de Atletismo (FCA) aposta nos atletas Ruben Sança, Jordi Andrade, Lidiane Lopes e Sandra Ribeiro junto da Federação Internacional de Atletismo (IAAF) para atingir os mínimos para representar o país nos Jogos Olímpicos Rio’2016.


O maratonista internacional cabo-verdiano residente nos Estados Unidos, Ruben Sança, está a intensificar os treinos para atacar a qualificação olímpica na Maratoma Internacional de Londres, agendada para 24 Abril.


Os atletas internacionais cabo-verdianos Adilson Spencer e Wânia Fernandes venceram hoje a IV edição da “Corrida ao Berço”, Praia/Cidade Velha na distância de 10,7 quilómetros, que teve como vencedor da prova paralímpica o sanvicentino Carlos Araújo.

Os maratonistas cabo-verdianos, Adilson Spencer e Nelson Cruz não conseguiram hoje, dia 22, a qualificação para Jogos Olímpicos Rio’2016, na Maratona de Sevilha (Espanha).


Os atletas cabo-verdianos estiveram em grande na 11ª edição da “Gran Canária Maratón”, a maratona internacional de Grã Canária, que teve lugar hoje, dia 24.


O Estádio Dideus na Cidade da Ribeira Brava será este sábado palco das provas de atletismo de 100, 400, 1500 e 5000 metros em feminino e masculino a contar para a terceira jornada do Campeonato Regional de São Nicolau.


6 atletas cabo-verdianos estarão a representar Cabo-Verde na 11ª edição da “Gran Canária Maratón”, a maratona internacional de Grã Canária, que acontece no próximo dia 24.


Os maratonistas cabo-verdianos, Adilson Spencer e Nelson Cruz correm sábado, 21, em Espanha, no “Zurich Maratón de Sevilla’2016” em busca de qualificação para Jogos Olímpicos Rio’2016.


A fundista internacional cabo-verdiana de referência no atletismo nacional, Crisolita Rodrigues, clama para uma maior atenção das autoridades desportivas para com os atletas, alegando que os feitos que têm conquistado, nacional e internacionalmente, não têm sido dignificados no país.