Emanuel Trovoada, “Mané”, vai ser o novo seleccionador nacional de basquetebol e terá como primeira “prova de fogo” orientar a equipa nacional nos jogos de apuramento para o Afrobasket’2017, que se realiza no Mali e Senegal.


Segundo apurou a Inforpress junto de uma fonte institucional, Mané, que em 2007 levou Cabo Verde à conquista da Medalha de Bronze no Afrobasket, em Angola, já está inscrito na FIBA África juntamente com os jogadores seleccionáveis para esta fase de apuramento.
Trata-se de uma “démarche” avançada pela equipa que vem trabalhando para “resgatar a participação de Cabo Verde no Afrobasket’2017”, num ano que o país assinala o 20 aniversário da sua primeira participação nesta montra maior do basquetebol africano e 10º aniversário da conquista da Medalha de Bronze em Angola’2017.
Mané está, assim, de regresso ao comando técnico da selecção de Cabo Verde, devendo ocupar a vaga deixada pelos seus antecessores, o demissionário Luís Magalhães, último seleccionador que trabalhou com a equipa directiva de Kitana Cabral e Kula Monteiro, nomeado pela equipa do André Delgado, mas que acabou por deixar o cargo nesta polémica, dossiê “CAN’2017”.
Mané, que já esteve na equipa técnica da selecção angolana, tem grande experiência em altas competições, tanto europeu como africana, e goza de grande popularidade no seio do basquetebol cabo-verdiano, bem como tem a particularidade de apostar em simultaneamente na formação e competitividade.
O apuramento realiza-se de 17 a 19 de Março, em Bamako, Mali, e de 24 a 26 deste mês, em Dakar, Senegal, competição que ainda irá contar com o concurso das equipas nacionais da Guiné Conacri.
A fase final do Afrobasket está marcada para Agosto próximo, em Congo Brazaville.
Fonte: Inforpress