Boxe




A atleta feminina cabo-verdiana, Ivanusa Moreira, perdeu nesta segunda-feira para Nakalema Emly Tinan, do Uganda, nos quartos de final dos 64-69 quilogramas, a última esperança da selecção de Cabo Verde de boxe de qualificar-se para o Tóquio’2020.


Um grupo de oito atletas já está selecionado para representar Cabo Verde no torneio de qualificação de Dakar, evento que se realiza de 20 a 29 de Janeiro, no Senegal, para os Jogos Olímpicos de Tóquio’2020.




A selecção de Cabo Verde de boxe já se encontra acreditada no Torneio Olímpico, que está a ser disputado na arena de Dakar (Senegal), com uma delegação constituída por quatro pugilistas, sendo três masculinos e uma feminina.


A Federação Cabo-verdiana de Boxe organiza de hoje a domingo no pavilhão desportivo Vává Duarte um torneio de boxe com o propósito de seleccionador pugilistas para a torneio de qualificação para os Jogos Olímpicos Tóquio’2020.




O campeão cabo-verdiano de boxe em -81 Kg, reclama do facto de ter ficado de fora da selecção nacional para o torneio olímpico qualificável para Tóquio’2020, mas o seleccionador nacional justifica com desconcentração e quebra de rendimento do atleta.


As regiões desportivas de Santiago Sul e São Vicente foram os grandes vencedores do campeonato de Cabo Verde de Boxe 2019/20, em masculino e feminino, respectivamente, cuja final foi disputada esta noite no pavilhão Vává Duarte.


A selecção de Cabo Verde de boxe partiu hoje para Dakar (Senegal), com o intuito de participar do torneio de qualificação dos Jogos Olímpicos de Tóquio´2020, que decorrem de 20 a 28 do corrente mês.




A Federação Cabo-verdiana de Boxe (FCB) realiza-se de sexta-feira a domingo, o campeonato de Cabo Verde da modalidade, a ser disputado no Pavilhão Desportivo Vavá Duarte, na Cidade da Praia, referente a temporada desportiva 2019/20.


A pré-seleção de Cabo Verde de boxe continua a intensificar os seus treinos bi-diários no Centro de Estágio, no Estádio Nacional, com vista a sua participação no torneio de qualificação de Dakar (Senegal), para os Jogos Olímpicos Tóquio’2020.


Davilson Morais não conseguiu apurar-se para as meias-finais dos VII Jogos Militares mundiais que decorrem na China.