Mais Desporto


O Presidente da Câmara Municipal do Sal, Júlio Lopes, entregou, na manhã de hoje, 25 de maio, o passaporte diplomático ao Kitesurfista Matchu Lopes, concedido pelo Governo de Cabo Verde ao atleta, tendo em conta os relevantes serviços que o Kitesurfista tem vindo a prestar em prol do desenvolvimento do desporto Caboverdiano.


O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva anunciou hoje que o kitesurfista cabo-verdiano Matchú Lopes, campeão mundial em “wave & free style”, aceitou receber o passaporte diplomático de Cabo Verde e que o Governo já decidiu atribui-lo.
O anúncio foi feito pelo chefe do Executivo cabo-verdiano, através da sua página oficial do facebook.


O ministro do Desporto considerou, hoje, a educação física, a actividade física e o desporto como um sector de actividade económica e social que ajuda o país a se firmar, a ser competitivo e respeitado no mundo.


Matchu Lopes poderá renunciar a nacionalidade cabo-verdiana em troca do passaporte espanhol.


A Comissão Organizadora das Corridas de Cavalos no concelho da Ribeira Grande vai reunir-se, nos próximos dias, para aplicar sanções aos proprietários de cavalos que tiveram “atitudes reprováveis” durante as corridas de Santa Cruz, no Coculi.


A Associação dos Comités Olímpicos da África – ACNOA aceitou hoje a candidatura de Cabo Verde para organizar os primeiros Jogos Olímpicos Africanos. A apresentação oficial da nossa candidatura foi feita hoje, 10 de Maio, pelo Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC), na 17ª Sessão ordinária da Assembleia geral da ACNOA, que decorre em Djibouti.


A equipa universitária da Uni-CV regressou da segunda edição do Torneio Internacional Universitário, no Senegal, com a taça “fair-play” em futebol 11 e duas medalhas de bronze conquistadas pela karateca Yolanda Monteiro, nas disciplinas de katá e kumité.




 A presidente do Mó na Roda, Miriam Medina, revelou hoje à Inforpress que a associação vai criar, no mês de Julho, uma Federação Nacional de Dança de Cadeiras de Rodas para que Cabo Verde possa participar nos Jogos Olímpicos nesta modalidade.


Após a fase de auscultação e reuniões de arbitragem com as 11 federações desportivas e o Comité Paralímpico Cabo-verdiano) e as respetivas assinaturas dos contratos-programa, a DGD começou já a avançar com as transferências de parte dos valores acertados nas respetivas rubricas de apoio aos orçamentos das federações, referente à época desportiva para 2016/2017.


O Plano Estratégico do Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC), aprovado em Assembleia Geral em Abril de 2016, foi evidenciado pelo Comité Olímpico Internacional (COI), para servir como modelo para os Comités Olímpicos do mundo.


O Mestre Internacional português Sérgio Rocha ministrará na cidade do Mindelo nos próximos dias 1 e 2 de Junho, uma formção para Monitores de Xadrez.