A participação Cabo-verdiana nos X Jogos da CPLP começou da melhor forma com três medalhas no primeiro dia de provas, com destaque para a medalha de Ouro conquistada pela atleta paralímpica Irlanda Lopes, nos 100 metros, categoria T-13. A fechar este “pódio cabo-verdiano estão os atletas olímpicos Rafael Livramento (prata nos 100 metros) e Kelton Fernandes bronze nos 400 metros).


Os vencedores nestas provas, respetivamente, foram os moçambicanos Orlando Gazolina (100 metros) e Janilson Nezari (400 metros).

Os outros vencedores deste primeiro dia de atletismo foram Catarina karas, de Portugal, e ouro nos 100 metros femininos, e a também portuguesa Patorata Djalo, ouro nos 400 metros femininos, enquanto o angolano José Bento venceu a final dos 100 metros adaptados.

Aceda, aqui, ao quadro completo de fases e resultados do primeiro dia das competições de atletismo.

Resultados 100m, 400m e salto adaptado:

https://drive.google.com/file/d/0Byqgf8kdoyHTS2djRmNlZjNWRlU/view?usp=sharing,

Desporto adaptado:
https://drive.google.com/file/d/0Byqgf8kdoyHTbE5QRHpSVWFjQk0/view?usp=sharing

Estreia também positiva para os pequenos Tubarões Azuis (sub-16) que, com um futebol de bom nível venceram a boa seleção de Moçambique por duas bolas a zero.

Os golos foram apontados pelo guarda-redes Orlando, da marca de grande penalidade, após falta na área moçambicana sobre Júnior, número 10 nas costas e o jogador mais influente da seleção da casa nesta partida.

O segundo golo foi apontado pelo avançado Jean, após uma falha de um central adversário, com a bola a ir parar nos pés de Jean que, isolado, colocou-a por debaixo das pernas do guarda-redes adversário.

No basquetebol feminino e no andebol masculino, apesar das derrotas as seleções cabo-verdianas apresentaram-se a um muito bom nível contra o mesmo adversário, o Brasil, candidata à medalha de ouro em ambas as modalidades. Os resultados foram Cabo Verde 46 x 56 Brasil no basquetebol e no andebol Cabo Verde venceu também cara a derrota diante à canarinha com o placar final a marcar 28 a 32.

No outro jogo, sem surpresas o Brasil venceu a seleção de São Tomé que, mesmo com a derrota, mostrou um potencial interessante.

Nesta segunda-feira, à tarde, Angola e Timor-Leste, no grupo B, medem forças no relvado do Estádio Marcelo Leitão e de manhã resumem-se as finais de atletismo.
Fonte: cv2016.jogoscplp