O local não poderia ser o melhor. O Comité Olímpico e Paralimpico Cabo-verdianos escolheu o Centro Cultural do Brasil para apresentação do plano alusivo a participação de Cabo Verde nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio2016, denominado Cabo Verde Rumo ao Rio.



Incendiar o espírito Olímpico no país é a meta traçada pelos dois comités que juntos vão realizar uma serie de atividades antecedendo ao maior evento multidesportivo do mundo.

Da lista constam ações como o I Congresso Olímpico Cabo-verdiano, agendado para Janeiro de 2015, bem como a Jornada Olímpica (em celebração do dia Olímpico), em Junho, que no ano transacto trouxe uma movimentação diferente em sete ilhas do país.

Filomena Fortes relembrou a importância do olimpismo e sua vocação que se assenta "na utilização do desporto como ferramenta para o desenvolvimento humano", e como forma de incentivar o apoio à prática desportiva com valores.

Por seu lado, o presidente do COPAC, Rodrigo Berjarano, deixou saber o percurso do Comité Paralímpico Cabo-verdiano e dos atletas que já tem passagem garantida para os Jogos, que acontecem no mês de Agosto e Setembro na "cidade maravilhosa".

O evento contou a com a presença do embaixador do Brasil, João Inácio Padilha.
Victor Hugo Fortes