A Câmara Municipal do Sal programou para esta tarde uma singela cerimónia para agraciar Ayrton Cozzolino, em jeito de reconhecimento dos feitos do bicampeão do mundo na modalidade de Kitesurf, no âmbito do programa denominado “Sal Campeão”.


O acto teve lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho, espaço que foi igualmente aproveitado para também receber outros campeões, nomeadamente Marlene Levy, atleta paralímpica que conquistou o 4º lugar na disciplina de 100 metros no Campeonato Mundial Special Olimpics, em Dubai.
Ao fazer algumas considerações, o edil Júlio Lopes fez questão de sublinhar que todos os atletas ou equipas que representar bem a ilha, projectando o nome do Sal ao nível nacional e internacional, merecerão homenagem em jeito de agradecimento da população do Sal.
“Ayrton Cozzolini não só é campeão do Sal, mas também de Cabo Verde. Enquanto representante do povo estamos apenas a fazer o reconhecimento do grande trabalho que ele tem feito, e ninguém tem dúvidas disso. Estamos a homenagear um jovem do Sal que foi três vezes campeão do mundo”, manifestou o autarca para quem ser campeão do mundo “não é tarefa fácil”.
“Alguém que conseguiu atingir um nível elevado, no contexto mundial, claro que merece toda a nossa admiração e reconhecimento”, frisou, acrescentando que Ayrton Cozzolini é um exemplo, um modelo para a juventude.
“Os jovens de Cabo Verde têm que ter Airton como referência. Educado, respeitador, não se desvia em coisas menos boas (…). Há que concentrar e focalizar nos nossos objectivos, caso contrário, não se vai a lugar nenhum, não se atinge a excelência, cada um na sua área”, concluiu Júlio Lopes.
E, agradecendo o gesto, Ayrton Cozzolini prometeu trabalhar com mais força para tentar trazer um novo título para Cabo Verde.
“Prometo que vou dar o meu máximo nas competições, ostentando a bandeira de Cabo Verde. 2020 vai ser difícil, mas vou fazer de tudo para conquistar o troféu”, reiterou.
Outros atletas mereceram, igualmente, as honras da Câmara Municipal, designadamente o grupo desportivo sub-17 EFIZ, vice-campeão nacional de futebol, e ainda os recordistas em xadrez.
Inforpress