A ilha do Sal já se está a tornar um palco habitual de eleição para competições internacionais e em 2020 poderá ser palco de mais uma competição, desta feita ao nível da CPLP.

Embalada pelo recente vice-campeonato mundial conquistado por Avelino “Lino” Rodrigues, a Federação Cabo-verdiana de Halterofilismos (FECAH) procura agora parcerias para materializar este projeto. Este foi um dos temas de um encontro esta segunda-feira com o Diretor-geral dos Desportos (DG), Anildo Santos que encorajou a ousadia.

O DG recebeu o presidente da FECAH, Bino Santos, acompanhado do seu secretário-geral, Alcides Canuto Júnior e de um convidado especial da FECAH, José Monteiro, diretor técnico e de formação da Federação Portuguesa de Culturismo e Fitness e Juiz da ELITE PRO IFBB. Uma visita de cortesia que pretendia, entre outros pontos, apresentar as ideias em relação ao desenvolvimento da cooperação entre as duas federações e sondar o MD/DGD sobre a possibilidade de apoiar esta iniciativa internacional da FECAH.

A referida federação deverá agora avançar com o projeto que é mais uma iniciativa para a promoção e massificação das modalidades ligadas ao Halterofilismo. Foi ainda uma oportunidade para debater a organização dessas modalidades, sendo que a FECAH quererá, agora, estimular os ginásios nacionais a estabelecerem-se como clubes para formar e promover atletas de competição, para além de apostar na regulamentação e melhor acompanhamento dos praticantes.


FECAH realiza primeira Taça de Cabo Verde
Apesar de ainda estar no primeiro ano da sua efetivação, a FECAH tem feito um trabalho meritório, já com várias conquistas a nível internacional, incluindo uma medalha de bronze africano e uma de prata mundial, todas com o atleta Lino Rodrigues e tem implementado grande dinâmica como ilustra a primeira edição da Taça de Cabo Verde de Fisioculturismo realizado no passado final de semana.

Nesta participaram atletas das regiões desportivas de Santiago Sul e Norte, São Vicente, Boa Vista e um atleta do Sal.

Para além desta, a ocasião serviu para lançar uma importante formação para técnicos e juízes de Fisioculturismo, ministrada pelo formador português, José Monteiro, e uma palestra sobre Desporto Fitness, com participação da ONADCV que fez uma apresentação para prevenção do Doping no desporto e nas modalidades e halterofilismos em particular.

A seguir, os pódios de vencedores nas respetivas categorias desta primeira Taça
de Cabo Verde:

Body Building:
1º Jorge Alberto Duarte- São Vicente
2º Valdir Gomes- Santiago Sul
3º Adalgiso Pereira- Santiago Norte

Men´s Classic Physique:
1º Valdir Gomes- Santiago Sul
2º Iguer Castro- São Vicente
3º Bruno dos Santos- Santiago Norte

Men´s Physique:
1º Wilker Dias- Santiago Norte
2º Catarino de Pina- Santiago Norte
3º Evandro Gomes- Santiago Norte

Women´s Welness:
1º Rilda Rosário- São Vicente
2º Sónia Barros- Santiago Sul
3º Ana Resende- Santiago Sul

Women´s Bikini Fitness:
1º Sandra da Veiga- Santiago Sul
2º Cláudia Cardoso- Sal
3º Maria dos Santos – Santiago Sul
DGD