A Associação Regional de Remo e Canoagem de Santiago Norte foi fundada, neste domingo, isso após uma sessão de formação de treinadores de nível 1, que decorreu no passado mês de Março, em Santa Cruz.


A informação foi avançada pelo Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC), dando conta que a referida acção de formação foi organizada pela Associação de Remo e Canoagem de Santiago Sul.
Ainda sobre a acção de formação, avançou o COC que a mesma contou com o financiamento da Solidariedade Olímpica, através do Comité Olímpico Cabo-verdiano, com o apoio da Federação Internacional de Remo (FISA).
O mesmo, afirmou, vem agora dar frutos com a recente fundação da Associação regional, que irá reger as modalidades a Norte de Santiago, sob a liderança da jovem participante do curso, Alissa Andrade Lima.
Ainda na mesma nota informativa lê-se que o objectivo é formar uma Federação da modalidade em Cabo Verde, pelo que, garantiu a mesma fonte, “o projecto não para por aqui”.
E nesta óptica, e em parceria com o Comité Olímpico Cabo-verdiano e a FISA, realiza-se já de 24 a 31 de Outubro de 2020, uma acção de formação certificada pela FISA, na ilha de São Vicente.
Este curso é destinado a praticantes de remo, canoagem ou corridas de botes residentes em São Vicente, ou Santo Antão que pretendem fazer a sua formação de treinador.
Para se inscrever basta entrar no link: https://tinyurl.com/remosaovicente2020. As vagas são limitadas devido ao Covid-19.
GSF/JMV
Inforpress