Mais Desporto




O Comité Olímpico Cabo-verdiano alertou as federações nacionais a reajustarem o figurino e as datas do calendário competitivo nacional, com um trabalho de fundo, visando um plano alternativo para o desporto cabo-verdiano, em face da pandemia da covid-19.


O presidente do comité de organização dos Jogos Olímpicos, Yoshiro Mori, falou pela primeira vez de um possível cancelamento do evento em 2021, que irá decorrer em Tóquio, caso a pandemia de Covid-19 ainda seja uma realidade na altura.


Ao mesmo tempo em que mais de 50 mil pessoas se aglomeraram durante horas – órgãos de comunicação social locais falam numa fila com mais de 500 metros de extensão – para verem a chama olímpica que, no sábado, esteve em exposição na estação de Sendai, em Miyagi, no norte do Japão – surgem as primeiras notícias de que os Jogos Olímpicos de 2020 poderão ser adiados.


A Federação Cabo-verdiana de Xadrez, tem o grato prazer de anunciar que estabeleceu uma parceria com a Chess.com de forma a que os xadrezistas cabo-verdianos possam ficar em casa e jogar xadrez.


O Ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire, propôs às federações desportivas nacionais medidas de prevenção ao novo Coronavírus como a suspensão dos campeonatos nacionais, tendo todas as federações aceitado em uníssono a suspensão dos campeonatos e de qualquer outra atividade que aglomera grande número de pessoas, por um período de três semanas.


Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 vão realizar-se entre 23 de Julho e 08 de Agosto de 2021, praticamente um ano depois das datas previstas, anunciou o presidente da comissão organizadora japonesa, Yoshiro Mori.


Entra em vigor a partir de hoje, 17 de março, a criação do Instituto do Desporto e da Juventude, doravante designado IDJ, conforme a publicação feita no Boletim Oficial (BO) Nº31 – I Série, culminando, de forma natural, na extinção da Direção Geral do Desporto e do Núcleo Gestão do Estádio Nacional, este último enquanto estrutura de missão.



Esta é uma medida positiva, porque à frente das questões desportivas estão outras, de natureza sanitária." É assim que o Comité Olímpico de Portugal (COP), pela voz do seu presidente, José Manuel Constantino, avalia a decisão do Comité Olímpico Internacional (COI) de adiar a realização dos Jogos de Tóquio, devido à pandemia de coronavírus.


O Ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire avançou, nesta quarta-feira, 11 de março, que as obras do Pavilhão Desportivo Coberto do município de Ribeira Grande de Santo Antão vão estar concluídas, o mais tardar, no inicio de 2021.


O Governo timorense aprovou hoje o adiamento, para data a definir, dos Jogos da CPLP, previstos para decorrer em Díli em Julho deste ano, devido à pandemia da covid-19, segundo um comunicado do Conselho de Ministros.


Fernando Elísio Freire anunciou que o Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ) irá ter um Conselho Diretivo que funcionará como órgão chapéu para as estruturas desportivas, tendo em contas as várias medidas já implementadas pelo Ministério Desporto, tanto a nível da legislação, como a criação da Organização Nacional Antidopagem (ONAD-CV), do Centro de Alto Rendimento Desportivo (CARD) e do Programa Nacional de Atividade Física e Saúde (MexiMexe).