Mais Desporto


Cabo Verde já conta com o seu segundo clube olímpico, fundado no bairro de Tira-Chapéu, na Cidade da Praia, pelo fisioterapeuta e karateca Bernardo Almeida, virado para a promoção e organização do desporto como factor de desenvolvimento social.



Os kitesurfista Titic Lopes, Bernardo Barros e Arsénio Dias garantiram já o passaporte para a 1ª etapa do Campeonato Mundial de Kite Surf, durante a competição nacional da modalidade, realizada este fim-de-semana, na ilha do Sal.


Cabo Verde conta, a partir de agora, com dois integrantes nas Comissões da Associação de Comités Olímpicos Africanos (ACNOA). A Presidente do Comité Olímpico Cabo-verdiano, Filomena Fortes, foi nomeada a vice-presidente da Comissão Mulher e Desporto e o Presidente da Comissão Médica também do COC, Doutor Humberto Évora, foi por sua vez conduzido a membro da Comissão homóloga da organização africana.


Vinte e seis dirigentes desportivos concluíram hoje, em Pedra Badejo, uma formação de três dias em FutbolNet, no âmbito do torneio que deverá ser realizado em Cabo Verde, numa organização da Fundação Barcelona e internacional OlympÁfrica.


Acontecem, na cidade da Praia, de 29 janeiro a 03 de fevereiro dois eventos sob a égide do Comité Olímpico Cabo-verdiano, inaugurando assim o rol de atividades da instituição programadas para este ano de 2018. Um Curso de Administração Desportiva e um Encontro de Diretores Técnicos Nacionais Desportivos farão o pontapé de saída.


A selecção de Cabo Verde de surf estará nos dias 17 e 18 do corrente a competir no “África Tour Surf”, em Dakar, Senegal, com uma equipa composta por cinco surfista, em busca de lugares do pódio.


A Associação Desportiva do Bairro Craveiro Lopes já tem nova direcção, agora liderada por uma mulher. A Presidente Lídia Fortes elege com prioridades o reforço da formação em basquetebol e futebol.


A ilha do Maio vai acolher o acto central das actividades do Dia Olímpico, que anualmente se comemora a 23 de Junho, visando a promoção da dinâmica constatada na promoção do desporto evidenciada por várias replicações do projecto Verdeolimpics.


Cabo Verde já tem o seu primeiro Clube Olímpico, fundado no último sábado 13 de janeiro, no município de Santa Cruz, ilha de Santiago, durante uma assembleia geral que reuniu agentes desportivos, representantes da autarquia e moradores locais.


Os formandos do Curso de Administração Desportiva, promovida pelo Comité Olímpico Cabo-verdiano, vai produzir, no final desta acção, uma Carta de Boas Práticas do Ambiente e Desporto para chamar atenção da comunidade desportiva sobre cuidados com o ambiente.



Os II campeonatos nacionais rápidas e semi-rápidas de xadrez (individual e colectiva) e o I campeonato nacional de equipas de partidas clássicas realizam-se de 17 a 21 do corrente no Mindelo, numa organização da Federação Cabo-verdiana de Xadrez.