O voleibolista Américo Lopes “Butcha” foi conduzido, esta quarta-feira, ao cargo do seleccionador de Cabo Verde de basquetebol feminino e ocupa a vaga deixada pelo demissionário técnico italiano Orazio Minnecci, no torneio de eliminatória da Zona II para o Mundial’2018.


Um dos mais experientes internacionais cabo-verdianos da modalidade, Butcha levou esta temporada o Mindelense ao título de campeão de Cabo Verde e trabalha esta temporada no comando técnico do Desportivo de Fonte Francês.

Nesta sua nova missão à frente da selecção feminina, Butcha vai ser coadjuvado por João Pedro Martins e Reginaldo Lima.

O italiano Orazio Minnecci apresentou a sua demissão do cargo que vinha exercendo alegando “ingerência inaceitável” da direcção federativa nos trabalhos da equipa técnica, mas o presidente da Federação Cabo-verdiana de Voleibol, desmente qualquer ingerência, alegando que teve uma conversa aberta com o agora antigo seleccionador e que “não deixou transparecer nada”.

António Rodrigues disse, entretanto, que a federação nacional da modalidade acata de boa fé esta demissão do Orazio Minnecci.

Cabo Verde recebe as eliminatórias da Zona II do Conselho Superior dos Desportos em África, para o Mundial de 2018, de voleibol “indor” e de praia, estando marcadas para 28 a 30 de Abril do ano em curso na Cidade da Praia os jogos.

A equipa nacional vai partilhar o grupo com as selecções nacionais da Gâmbia e Senegal, tanto em masculino como em feminino.
Fonte: Inforpress