Portugal conquistou a medalha de ouro no torneio de futebol nos jogos da CPLP, que terminaram hoje na ilha do Sal, após vencer Angola no desempate na marcação de grandes penalidades no joga da final disputado no Estádio Marcelo Leitão.


Depois de um empate a uma bola no tempo regulamentar e no prolongamento, a seleção portuguesa foi mais feliz na marcação de grandes penalidades e venceu por 5-3.
No final dos 70 minutos regulamentares as duas selecções terminaram empatadas a uma bola, resultado que permaneceu nos 20 minutos de prolongamentos.
A formação de Angola entrou melhor no jogo, tentou impor o seu ritmo dada a maior compleição física dos seus atletas, mas a táctica imposta pelo técnico português chegou o quanto basta para, no final, chamar a si o título.
Ainda assim a formação angolana adiantou-se no marcador, no segundo tempo, num remate a meia volta de Fernando Duarte, um dos melhores jogadores deste torneio, mas logo no minuto seguinte Portugal restabeleceu a igualdade num remate certeiro de Filipe.
No desempate através das grandes penalidades, o guarda-redes de Portugal defendeu um dos pontapés do jogador angolano, fazendo com que a equipa lusitana festejasse o titulo, para o desalento da comitiva angolana.
Com este resultado Portugal arrecadou a medalha de ouro, Angola ficou com a de prata e Brasil fechou o pódio com a medalha de bronze.
Angola perdeu uma única partida em cinco jogos (somou quatro vitória), mas a derrota foi fatal para as suas aspirações.
Portugal conquistou assim a sua 22ª medalha de ouro e venceu os X Jogos da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), ao arrecadar 30 medalhas, sendo 22 de ouro e 8 de prata.
Os atletas portugueses conquistaram mais medalhas na modalidade de atletismo, com um total de 17, sendo 12 de ouro e cinco de prata, quarto medalhas na modalidade de natação, duas de ouro e duas de prata, e quatro também no taekwondo, todas de ouro.
Portugal venceu ainda duas medalhas de ouro no voleibol de praia, com uma no masculino e outra no feminino, uma de ouro no andebol masculino e uma de prata no basquetebol feminino.
O segundo país no quadro geral de medalhas foi Moçambique, com um total de 15 de ouro, 11 de prata e oito de bronze, seguido de Angola, com três de ouro, sete de prata e 15 de bronze.
Cabo Verde segue com três medalhas de ouro conquistadas no atletismo paralímpico, mais duas de prata e sete de bronze.
São Tomé e Príncipe arrebatou cinco medalhas de prata e duas de bronze, enquanto o Brasil levou para casa duas medalhas, uma de prata e outra de bronze.
Timor-Leste não conquistou qualquer medalha nos jogos da CPLP, que não contaram com a presença da Guiné-Bissau e Guiné Equatorial.
Os Jogos da CPLP, que foram realizados em Espargos e em Santa Maria, na ilha do Sal, contaram com a presença de cerca de 500 atletas, que competiram nas modalidades de futebol, atletismo, andebol, taekwondo, basquetebol, natação e voleibol de praia.
Os Jogos são destinados a atletas de ambos os sexos dos sub-16, exceto a natação e o atletismo paralímpico em que podem participar atletas dos sub-20.
Com a cerimónia de consagração e futebol, o ministro do Desportos de Cabo Verde declarou encerrados os X Jogos Desportivos da CPLP e entregou a tocha dos XI Jogos ao director-geral dos Desportos de São Tomé e Príncipe, Angélico Santos, já que este país do Equador acolhe a edição de 2018.
Fonte: Inforpress