A equipa da Calheta de São Miguel conquistou hoje a final do torneio regional de futebol sub-19, denominado Liga Stopira, ao vencer na final a equipa Bola pa Frente por 2-1, em jogo realizado no Estádio da Várzea.


Pikachu abriu o activo para equipa Bola pa Frente e Ravi restabeleceu igualdade ainda na primeira parte. Golo da Vitória foi apontado por Ju aos 31 minutos do segundo tempo.
Para chegar à final, a Escola de Calheta de São Miguel que também tinha vencido a equipa Bola pa Frente detentora do título na fase de grupo por 3-0, deixou pelo caminho Nhagar de Santa Catarina (interior de Santiago) com uma vitória por 2-1.
No final do jogo o treinador da equipa vencedora Rosalito Mendes “Pó di Terra” era um homem feliz, e reconheceu que foi um “jogo equilibrado”, tendo em conta que Bola pa Frente é uma “boa equipa”.
A vitória conseguida por sua equipa, afirmou, foi conseguida com todo mérito e esforço.
Já a treinadora do Bola pa Frente, Silvéria Nédeo “Nita” reconhecheu a qualidade da equipa vencedora, afirmando que a mesma estava preparada tecnicamente, salientando que a sua equipa perdeu, mas com “cabeça levantada”.
Em relação à avaliação da liga, os treinadores deram nota positiva, agradecendo a Barrusco pela oportunidade que está a dar aos jovens, tendo em conta que é no evento do tipo que os mesmos são conhecidos, e pediram que o mesmo seja abrangido a outros concelhos e ilhas do país.
A II edição da Liga Stopira, prova organizada pelo futebolista Evanir Rodrigues, “Barrusco” em homenagem ao defesa internacional cabo-verdiano, Yanick Stopira Tavares, futebolista do Videoton, da Húngria, contou com o concurso de dez equipas das regiões desportivas de Santiago Norte e Sul.
De acordo com Barrusco, foram três meses com “dificuldades” e sem apoio de entidades desportivas (Federação Cabo-verdiana de Futebol e Direcção-geral do Desporto), prometendo que no próximo ano o torneio será ainda melhor.
Reafirmou ainda que o futebolista da equipa de Calheta Cley considerado o melhor do torneio vai ser recrutado para um teste profissional em Alemanha ou Hungria, já que passos estão sendo envidados junto do homenageado.
Foram distinguidos nesta II edição da Liga Stopira Melhor Jogador (Cley, Calheta), Melhor Marcador (João Paulinho, Bola pa Frente), Melhor Treinador (Pó di Terra – Calheta), Melhor Guarda-Redes (Walter-Bola pa Frente) e prémio Fair Play foi para a equipa de Assomada que também foi agraciada com o Prémio Revelação para o jovem mais novo da liga Kaka nascido em 2000.
Fonte: Inforpress