Futebol Cabo Verde


Délcio Fernandes, do Misto de Santiago, foi considerado melhor jogador do África Youth Cup, realizado em Cabo Verde, de 19 a 27 de Abril.


A equipa do Volcan Júnior (Costa do Marfim) conquistou hoje, no Estádio Nacional, a primeira edição do Africa Youth Cup ao vencer, o Pawas Academy (Nigéria), por 6-5, nas grandes penalidades.


As equipas do Volcan Júnior (Costa do Marfim) e Pawas Academy (Nigéria) são as finalistas do África Youth Cup, cuja final está marcada para este sábado, no Estádio Nacional.

No âmbito da Africa Youth Cup está na cidade da Praia o Presidente da APAF - Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol, Luciano Gonçalves, que encontrou-se com o Presidente da FCF, Mário Semedo, o Presidente e o vice Presidente do Conselho Nacional de Arbitragem de Cabo Verde, Nelson Barbosa e Eliseu Cardoso, respectivamente.


A Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF) mantém a sua decisão de adiar os jogos da terceira eliminatória da Taça Caixa para o 1º de Maio, envolvendo Santo Crucifixo x Mindelense, “obedecendo estritamente ao previsto no regulamento geral”.


Santa Cruz vai acolher já no próximo dia 04 de Maio a final do torneio de Futbolnet, que irá decidir a equipa que representará o Centro Olympafrica do concelho, no torneio africano.


Os mistos de Sotavento e Barlavento terminaram no sexto e sétimo lugar respectivamente, na classificação da Youth League Cup, competição de futebol sub-17, cuja final está marcada para sábado no Estádio Nacional.


No âmbito do Africa Youth Cup estarão na cidade da Praia os jornalistas João Diogo, da RDP África, e Nuno Matos, da Antena 1.


Os mistos de Sotavento e de Barlavento em sub-16 defrontaram-se na tarde desta quinta-feira no campo de Pensamento, em jogo do África Youh Cup Praia’2019, que terminou com a vitória da equipa da capital por 4-2.


Um grupo de antigos futebolistas internacionais cabo-verdianos solicitou “uma necessária, indispensável e adequada intervenção” do Governo “no processo de reconhecimento” dos atletas, “à semelhança dos que merecerem os músicos”, como forma de salvaguardar a dignidade dos que outrora representaram a selecção.