O Boavista e os Travadores caírem diante dos visitantes, Acadêmica do Fogo e Acadêmico do Sal, respectivamente, no primeiro dia da II edição da Taça dos Campeões by Unitel T+ e ambos no desempate das grandes penalidades.


Os encarnados perderam por 4 a 2 dos penaltis depois de um empate a zero no tempo regulamentar. Batani e Hadji falharam para os Travadores e Duda deu a vitória para o Académico, agora treinado por Lúcio Antunes.

Por seu lado, no encontro Boavista e a Acadêmica do Fogo, tivemos golos, só na segunda metade de jogo. Marcou primeiro a Miká do Fogo por Djedjin, Gerson empatou para o Boavista. No desempate das grandes penalidades Djidjé foi herói. Primeiro Nedil atirou a base do poste e depois o guarda-redes da Acadêmica defendeu o remate de Márcio Ciutre para a festa da Acadêmica.

No final houve festa rija dos muitos adeptos da equipa do Fogo que se deslocaram ao estádio da Várzea numa tarde/noite perfeito para se jogar futebol.

Neste sábado duelo entre as duas equipas negras da Taça dos Campeões na final. Boavista e Travadores discutem o terceiro posto a partir das 17 horas.

Em dia de eleições na ARFSS e vitória do atual presidente, não houve motivos de muitos festejos nas equipas da capital, os visitantes foram mais felizes.
Victor Hugo Fortes