A Supertaça de Cabo Verde vai ser disputada no sábado, 15,  no Estádio Nacional, pelas equipas da Académica e Sporting da Praia, disse hoje em conferência de imprensa o vice-presidente da Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF).


A terceira edição da Supertaça, prevista para às 15:30, a primeira competição do organismo que superintende o futebol cabo-verdiano na nova época desportiva do ano 2018/19, vai ser, segundo Luís Semedo, transmitido por um dos canais televisivo nacional em directo.
“Com mais esta edição temos como desafio o relançamento de competições, para que a Supertaça se torne numa prova referência, em que os clubes quando iniciam a época desportiva devem programa os seus planos anuais contado com a prova”, concretizou o responsável.
Segundo o vice-presidente da FCF, o regulamento a vigorar nesta edição será o mesmo que foi aplicado na Taça de Cabo Verde, o que significa que em caso de empate nos 90 minutos regulamentares será aplicado um prolongamento de 30 minutos.
Se o empate, entretanto, persistir, seguirá o desempate por pontapés a partir da marca da grande penalidade.
Ainda a título de esclarecimento, “para que não haja ruídos”, informou que a aplicação de cartões amarelos ou vermelhos e sanções disciplinares serão procedidos de acordo com o regulamento já entregue às equipas finalistas.
A Supertaça, sublinhou, vai ser disputa “com dignidade e destaque” de uma prova para além do habitual regional, pelo que espera das equipas, dos desportistas e da comunicação social uma “parceria exemplar”.
Para a realização do jogo, indicou, o Estádio Nacional disponibilizou-se para facultar um estágio ás duas equipas, treino no dia anterior ao jogo e estadia.
A FCF, frisou, vai estabelecer um preço de bilhetes “acessível” para que todos possam participar, ou seja,  400 escudos para tribuna e 200 para central.
Vai ainda facultar a deslocação a partir do Centro de Estágio, na Várzea, para pessoas portadoras de bilhetes.
“Vai ser um grande jogo entre duas equipas da Praia, em que a rivalidade só vai contar para que um deles ganhe o troféu”, disse Luís Semedo, afirmando, por outro lado, que esta prova vai marcar o inicio das competições nacionais.
Neste âmbito, assegurou que oportunamente a FCF irá dar a conhecer ao público e aos desportistas o calendário da época 2018/2019, a nível nacional, da Taça de Cabo Verde, campeonatos sub-17, sub-20, nacional feminino, futsal e torneio inter-ilhas.
O campeonato nacional sénior, avançou, arranca a 06 de Abril de 2019 e culminará a 01 de Junho do mesmo ano.
O gestor do Estádio Nacional, Orlandinho Mascarenhas, por seu lado, manifestou satisfação por poder acolher a Supertaça e avançou que está aberto para negociar com as equipas situações de treino, estágio e estadia.
Os representantes das equipas finalistas, Académica e do Sporting da Praia, prometeram um “bom espectáculo” de futebol, e que “o melhor conquiste a taça”.
As duas últimas edições da Supertaça foram realizadas em 2013/2014 na ilha do Fogo, em que o Sporting da Praia foi campeão, em 2013, e o Mindelense, em 2014.
Inforpress