A Escola de Futebol Juvenil do Tarrafal (EFJT) sagrou-se hoje vencedor do campeonato inter-escolas de iniciação ao futebol nos dois escalões, sub-11 e sub-13, em disputa nessa competição.


No escalão sub-11 a EFJT, que se sagrou campeão ao somar 09 pontos, arrecadou, igualmente, todos os prémios individuais, nomeadamente, de melhor marcador (Joelson “Piri” Andrade), de melhor jogador (Marcos Monteiro) e de guarda-redes menos batido (Micael Delgado).
Em segunda posição, no mesmo escalão, ficou a escola Evoluindo da Ponta do Sol, com 06 pontos, e em terceiro lugar ficou a escola de Penha de França, com 03 pontos.
No escalão sub-13, a EFJT voltou a dominar, vencendo a competição com 10 pontos contra 08 pontos da Escola Nossa Senhora do Rosário, de Ladeira, segundo classificado, e dos 04 pontos da escola de Penha de França.
Desclassificada ficou a Escola Evoluindo, da Ponta do Sol, porque segundo Manuel da Cruz Delgado, mais conhecido por Lela, tiveram comportamento anti-desportivo ao alinharem jogadores que não constavam da ficha de inscrição, contrariando as disposições do regulamento da prova.
Riquelme Monteiro (Escola Nossa Senhora do Rosário) foi eleito melhor jogador da prova, Edy Jorge e Geovany Duarte, ambos da EFJT, foram, respectivamente, melhor marcador e guarda-redes menos batido.
Inforpress