O técnico do Santo Crucifixo, Palela, disse que a sua equipa, que ganhou, este sábado, a Supertaça de Cabo Verde, trabalhou e tudo fez para conquistar  o troféu.


Santo Crucifixo, vencedor da taça de Cabo Verde época  passada, ganhou este sábado, por 3-1, o Mindelense, e conquistou, a sua Supertaça de Cabo Verde, “com todo o mérito”, avançou Palela.
Já na quarta-feira, os campeões em título em Santo Antão – Norte, que esta temporada já ganharam, também, a supertaça regional, vão disputar a final do torneio de abertura nessa região, frente ao Rosariense.
O treinador do Mindelense, Rui Leite, felicitou o adversário pelo troféu conquistado “com todo o mérito” e por ter sido “realmente melhor” que a equipa sanvicentina, avançou este  técnico.
“Hoje, o mérito foi todo para o nosso adversário. Pedimos desculpas aos nossos adeptos, porque hoje não fomos aquele Mindelense de sempre, uma equipa unida e uma família”, declarou Rui Alberto.
O Santo Crucifixo ganhou, este sábado, ao Mindelense, por 3-1, no Estádio Municipal do Porto  Novo, e conquistou a sua  Supertaça de Cabo  Verde.
O troféu, recorde-se, foi conquistado, em 2018,  pela Académica da Praia.
Inforpress