O antigo internacional cabo-verdiano Agnelo Ramos, conhecido por Nelo Tambarina congratulou-se com aposta na criação das selecções de bases de Cabo Verde.


“Uma boa ideia criar uma boa base para o futuro, embora seja muito complicado para os jogadores residentes, por isso tem que se criar escolas de futebol que contam com apoio do Governo e da própria UEFA”, disse Nelo Tambarina à pagina Futebol Nacional - Cabo Verde (FN-CV).

Inseridos na estratégia da FCF na observação de jovens jogadores que no futuro estarão a representar a seleção principal de Cabo Verde, as seleções de Sub-20 e Sub-19 de Cabo Verde disputaram nesta semana, três jogos amigáveis frente a congénere de Portugal.

Um central possante que jogava com uma grande disciplina, Nelo Tambarina, entrou na cena futebolista ainda muito jovem a jogar pela equipa de São Paulo do Bairro da Achada de Santo Antonio, com passagens pelo Prédio, Varanda e Babolacha.

De 1992 para 1997 foi o defesa-central de marcação chamado ao serviço do combinado nacional.

O central do Bairro de Achada Santo Antonio conquistou por cinco vezes o campeonato de Santiago e por duas vezes o campeonato de Cabo Verde, um com o Boavista da Praia, na época 1994-95, e o outro com o Sporting da Praia, em 1988-99.

Nos Estados Unidos, desde 1999, representou Dinamo da Brava, Juventude de RI, e Fidjos Terra, tendo conquistado 4 campeões da LASA (Liga Luso Americana) que mais tarde tornou-se NELASA (New England Luso Americana), 3 com Fidjos Terra e 1 com o Dinamo da Brava.

c/Futebol Nacional - Cabo Verde (FN-CV)