África: Mundial 2022 - África do Sul contesta derrota contra Gana em eliminatórias do Mundial de 2022


A Federação Sul-Africana de Futebol (SAFA, sigla em inglês) confirmou segunda-feira  introduzir uma queixa oficial junto da Federação Internacional de Futebol (FIFA) e da Confederação Africana de Futebol (CAF) contra a equipa arbitral do jogo de domingo último contra o Gana, durante qual o país perdeu por 0-1.


A África do Sul foi assim eliminada do Mundial de 2022 a favor do Gana.

O controverso golo decisivo foi marcado na cobrança de um penalty depois de o defesa sul-africano Rushine De Reuck ter sido julgado culpado de uma falta contra Daniel Amartey, mas as imagens mostram que não houve um contacto irregular.

Porém o árbitro senegalês, Maguette Ndiaye, apitou este penálti em detrimento da África do Sul.

O diretor-geral da SAFA, Tebogo Motlanthe, declarou que o caso deve ser examinado de perto pela FIFA  e pela CAF.

A África do Sul não conseguiu qualificar-se para um Mundial, desde 2002 na Coreia do Sul e no Japão.
pana


Print   Email