CAN 2021: Choupo-Moting recusa a jogar o jogo de disputa do 3º lugar


Anunciado titular na partida de disputa para o 3º lugar do CAN 2021 no sábado contra Burkina Faso, vitória de 5-3 dos Camarões nas grandes penalidades, após um empate a 3 bolas durante o tempo regulamentar, Eric-Maxim Choupo-Moting decidiu em não alinhar para os Leões Indomáveis, sendo substituído no último instante por Christian Bassogog no 11 inicial.


Se a Federação dos Camarões (Fecafoot) justificou esta mudança repentina por uma lesão, como seria de esperar, a verdadeira razão é bem diferente.

Presente na zona mista no final do encontro, o avançado do Bayern Munique explicou que recusou a jogar para assinalar a sua insatisfação com as escolhas do treinador Toni Conceição, que o utilizou sobretudo como suplente durante este CAN em casa .

O técnico negou qualquer tensão com o jogador na sexta-feira em entrevista coletiva.

"Disse ao treinador que não podia jogar este jogo porque não me sentia bem psicologicamente, por tudo o que aconteceu. Vim para ajudar a equipa a vencer o CAN. O treinador me mostrou que não conta 100% comigo. Jogamos 120 minutos nas meias-finais e ele me deixou no Banco. Pra mim isso é falta de respeito. Tinha que dizer a verdade ao treinador. Estou muito decepcionado e muito frustrado. Não pude jogar esta noite, mas estava 100% com a equipa”, esclareceu o ex-parisiense.

O Leão Indomável, de 32 anos, não pensa em representar os Camarões enquanto o português estiver no cargo.

“Estou triste e decepcionado com o que aconteceu. Eu sempre respeito as escolhas do treinador, mas você também tem que respeitar os jogadores. Eu amo meu país, Camarões. Adoro representar as cores dos Camarões. Mas eu disse ao treinador que com ele não é mais possível para mim”, concluiu o jogador.
ADP
CrioloSports


Print   Email

         

Mais de 10 anos com os desportistas cabo-verdianos

 

 

 

SUBSCREVER AS NOSSAS NEWSLETTERS

Ao subscrever, tomo conhecimento que as newsletter poderão conter publicidade.
 

SUBSCREVER AS NOSSAS NEWSLETTERS

Ao subscrever, tomo conhecimento que as newsletter poderão conter publicidade.